Dia 98 – De Bariloche a Villa La Angostura

{Sexta-feira, 31/05/2019} Dia de ir a Villa La Angostura. O dia amanheceu frio, gelado, mas parecia que a neve tinha dado um tempo. Ufa, ainda bem, pois hoje é dia de seguir viagem ao norte e nevando nós certamente teríamos que ficar parado na cidade.

Passamos no posto para calibrar os pneus do carro e aproveitamos para perguntar como é a estrada até Villa La Angostura, se estava transitável. Nos disseram que sim, mas para ir com cuidado.

Tchau Bariloche

De Bariloche até Villa la Angostura a distância é de uns 80 quilômetros, então a viagem seria bem tranquila.

Saindo de Bariloche avistamos um mirante para o Lago Nahuel Huapi e a cidade ao fundo.

Ventava muito, mas precisávamos parar para ver aquela paisagem e nos despedir da cidade, onde mudamos o roteiro dessa viagem.

De Bariloche a Villa La Angostura

Bariloche foi decisiva na continuação da viagem e lá nós refletimos sobre a viagem, sobre continuar ou não e sobre como continuar. Parece bobagem, mas nem tudo é tão simples quanto parece. Não é só ‘viver viajando’.

Quer saber o que aconteceu? Olha o diário de ontem, aqui.

Montanha Negra

No meio do caminho avistamos uma montanha negra, linda demais, de frente para um lago.

Aqui o vento deve ser muito forte, pois as árvores tem uma inclinação diferente das que estamos habituados a ver.

Ao descer do carro para admirar a paisagem sentimos um pouco do vento congelante que vinha das montanhas. Não deu para ficar muito tempo não, mesmo assim, valeu a pena parar para admirar.

De Bariloche a Villa La Angostura

Villa La Angostura

Chegando em Villa La Angostura, já gostamos muito da cidade logo de cara.

Como uma vila, a cidade é pequena, mas tem de tudo. É como uma Bariloche em menor escala, sem os problemas de cidade grande.

Aqui a paisagem é de montanhas nevadas ao redor. Deveríamos ter vindo antes para cá.

Atravessamos a avenida principal de ponta a ponta e chegamos na secretaria de turismo, onde pegamos um mapa e algumas dicas do que fazer em Villa La Angostura.

Depois passamos no mercado La Anonima para comprar as comidas que vamos cozinhar nos próximos dias no hostel. E também kitkat que estava em promoção, 2 por 1. Ô felicidade.

Hostel La Angostura

Aqui vamos ficar hospedados no Hostel La Angostura, que é uma hospedagem muito aconchegante.

Mas dessa vez não vamos dormir no carro, não. Vamos ficar num quarto coletivo, mas como está vazio, provavelmente ele será só nosso pelos próximos dias.

O quarto tem banheiro privativo, é aquecido pelo piso e tem 2 beliches.

Hora do almoço, preparamos nossas refeições na cozinha do hostel, que é bem equipada.

Aqui não vamos comer em restaurante, para economizar um pouquinho.

Hostel La Angostura

Passamos a tarde nos aquecendo, com café e chá no hostel La Angostura. Como a internet é boa, aproveitamos para desenhar o nosso roteiro pela cidade.

 

A noite aproveitamos para colocar nossas séries da Netflix em dia. Ou quase, pois estamos com vários episódios acumulados.

Amanhã se o dia melhorar vamos sair para conhecer a cidade. Então, vem com a gente!!

Quer saber mais sobre essa viagem? Confira esse post aqui melevadeleve.com/viagem-de-carro-pela-america-do-sul

Números do dia:

Distância percorrida: 92 km
Tempo: 3h
Alimentação: $ 500 pesos argentinos (aprox. R$ 50,00)

Programe a sua viagem

Está gostando da nossa viagem de carro pela América do Sul? Então use nossos links para reservar as suas viagens. O valor não muda para você e a comissão que ganhamos é bem pequena, o preço de um cafezinho que você toma enquanto está lendo e se divertindo com o diário da viagem e as nossas dicas.

Hospedagem: Booking.com ou Airbnb (Airbnb com desconto de R$ 130,00 na primeira hospedagem e R$ 49,00 em uma experiência)
Seguro Viagem: Seguros Promo (com 5% de desconto)
Passagens Aéreas: Passagens Promo
Aluguel de carro: Rentcars
Transfers: Viator
Passeios: ViatorTiqetsTourOn e Get Your Guide
Transferência online de dinheiro para o exterior: Transfer Wise

Agradecimentos aos nossos apoiadores dessa viagem:

  

Compartilhe
Julia Flores

Julia Flores

Formada em Turismo e Hotelaria, com pós-graduação em Marketing Estratégico e experiência com marketing de destinos turísticos. Amo viajar, não pelos carimbos no passaporte ou pelas selfies, mas pelo o que as viagens me proporcionam. Gosto de praticar esportes, mas também adoro ficar de preguiça no sofá em dias frios ou chuvosos.

Deixe seu comentário