Dia 155: De Posadas até as Ruínas de Santa Ana

{Sábado, 27 de julho de 2019} O dia amanheceu nublado em Posadas, Argentina.

Tomamos café da manhã e logo saímos para dar uma volta pela cidade e procurar um lugar para trocar dinheiro.

No caminho encontramos um supermercado Diarco e aproveitamos para repor o estoque de alfajores, já que provavelmente não encontraremos mais esse atacadista. Ah, alfajores…

E depois seguimos viagem até a cidade de Santa Ana, a nossa primeira parada nas Missões Jesuíticas Argentinas.

Almoço em Posadas

Pesquisando no Tripadvisor encontramos um restaurante de cozinha missioneira, chamado Hoy Cocino Yo. Como estava bem avaliado, ficamos com vontade de conhecer.

Aqui vale a pena provar alguns restaurantes, pis a alimentação parece ser mais em conta.

Chegando no restaurante descobrimos que estava fechado para um evento privado. Então, se você quiser conhecer, antes de se deslocar até lá é bom dar uma ligada.

Com bastante fome, fomos andar pela Avenida Costanera para ver as opções de restaurantes que há por lá.

Já que nosso gás de cozinha tinha acabado e teríamos que comer fora, estávamos em busca de um prato regional.

Avenida Costanera Posadas Argentina

Bem no início da avenida tem o letreiro de Posadas.

Claro que paramos para tirar fotos, né.

Letreiro de Posadas Argentina

É obrigatório ter seguro viagem para viajar pra Argentina? Não é, mas já pensou se você precisa de atendimento médico lá? Você que é um viajante experiente não vai viajar sem seguro viagem, né. Veja aqui as opções de planos e seguradoras e com o nosso link, ganhe 5% de desconto. Se você ainda não sabe muito sobre o assunto, leia aqui Tudo sobre seguro viagem.

Na Avenida Costanera a maioria dos restaurantes é de rede ou de alto padrão. De lá fomos procurar no centro de Posadas, mas estavam todos fechados.

Acabamos encontrando uma padaria que fazia empanada argentina e ‘esfiha’ foi o que escolhemos para o almoço.

Onde comer em Posadas Argentina

Estavam boas, mas não foram as melhores que comemos na Argentina.

Aqui as empanadas levam batata no recheio. A empanada árabe é uma mistura de massa de empanada aberta com recheio de esfiha de carne.

Em busca do gás de cozinha

Como nosso gás de cozinha acabou em Encarnación, fomos em busca de um lugar para encher o botijão. Vimos no aplicativo iOverlander que tinham alguns lugares entre Posadas e Santa Ana.

Paramos em alguns postos de combustíveis, mas nenhum estava oferecendo mais esse serviço.

Paramos em um lugar chamado Extragas, aparentemente o único autorizado a oferecer o serviço de encher botijão com gás, mas o guarda nos informou que só funciona de segunda a sexta. É, hoje é sábado… Claro, né…

Pelo caminho paramos em outros postos, mas não encontramos. Resumo da história, estamos sem gás para cozinhar.

Se você não viaja de campervan, veja aqui onde ficar hospedado em Posadas.

Ruínas de Santa Ana Missões Argentinas

No meio do caminho fomos abordados em uma barreira policial. Nos perguntaram de onde estávamos vindo, para onde estávamos indo e por onde iríamos sair e nos liberaram. Não pediram nenhum documento.

Nada de mais, abordagem educada e cordial.

De Posadas para as Ruínas de Santa Ana Argentina

Passamos por um pedágio que pagamos $ 70,00 pesos argentinos (em torno de R$ 7,00).

E nesse percurso de Posadas até Santa Ana são em torno de 50 kms e levamos 1 hora para percorrer.

Chegando na cidade percebemos que a terra é vermelha e tinha chovido, por isso a entrada para as ruínas parecia uma lama só.

Estacionamos em um posto YPF para nos localizar e decidir o que fazer.

Então optamos por esperar até o próximo dia para quem sabe tudo secar e melhorar o acesso.

Para pegar o wifi do posto era preciso consumir algo. Peguei um picolé e o Douglas não acreditou, pois estava fazendo 11ºC lá fora.

Ruínas de Santa Ana Argentina

Depois fomos dar uma volta pela cidade, mas não tem nada para fazer além das ruínas mesmo.

Não viaja de campervan? Vá de avião e alugue um carro para explorar toda a região. Veja aqui um comparativo entre modelos de veículos e locadoras.

Não encontramos camping ou estrutura com banheiro para viajantes, então voltamos para o posto YPF que tem um espaço bom para estacionar, banheiros 24h, internet wifi e água quente gratuita.

O que fazer em Santa Ana Argentina

Amanhã a previsão é de tempo bom com sol. Então o plano é visitar as ruínas de Santa Ana.

Números dos dias:

Distância percorrida: 84 km.
Alimentação: $ 305 pesos argentinos (aprox. R$ 30,00)
Pedágio: $ 70 pesos argentinos (aprox. R$ 7,00)

Programe a sua viagem

Economize comprando sua passagem aérea no site do Passagens Promo.

Data de embarque confirmada, hora de reservar a sua hospedagem, nossa dica para economizar é conferir esses dois sites: Booking.com ou Airbnb (Airbnb com desconto de R$ 130,00 na primeira hospedagem e R$ 49,00 em uma experiência)

Nada de viajar para um lugar de altitude sem o Seguro Viagem do Seguros Promo, clique nesse link e use nosso cupom MELEVADELEVE5 e ganhe 5% de desconto.

Vai alugar carro para conhecer o norte da Argentina? Então dá uma olhada nas opções da Rentcars, você paga em reais e não tem a surpresa de quanto vai pagar quando chegar a conta do cartão de crédito e não precisa ficar rezando pra cotação do dólar não aumentar.

Não vai de carro? Então reserve um transfer do aeroporto até sua hospedagem e a volta pelo site da Viator.

E já reserve os principais passeios para não correr o risco de ficar sem vaga quando chegar lá. Os principais sites para economizar nos passeios são: Viator, Tiqets, TourOn e Get Your Guide

Agradecimentos aos nossos apoiadores dessa viagem:

Veja mais sobre o assunto navegando pela categoria

Julia Flores

Julia Flores

Formada em Turismo e Hotelaria, com pós-graduação em Marketing Estratégico e experiência com marketing de destinos turísticos. Amo viajar, não pelos carimbos no passaporte ou pelas selfies, mas pelo o que as viagens me proporcionam. Gosto de praticar esportes, mas também adoro ficar de preguiça no sofá em dias frios ou chuvosos.

2 comentários em “Dia 155: De Posadas até as Ruínas de Santa Ana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *