{Segunda, 11 de março de 2019} Acordamos cedo, 6h30, na esperança de um dia melhor e que conseguíssemos consertar a campervan cedinho para partir logo rumo ao Uruguai.

Já procuramos na internet opções de oficina mecânica em Pelotas, antes de ligar na seguradora, pois se depender deles como dependemos ontem, estamos lascados.

Ligamos na oficina mecânica, que abriu às 8h30 e eles conseguiriam atender depois das 9h, mas fecharia às 11h30 para almoço e voltaria às 14h.

Chamando o guincho para consertar a campervan

Tudo alinhado, ligamos para a seguradora para pedir o guincho. Eles quiseram passar a indicação deles de uma oficina mecânica, mas já me adiantei com o endereço que tinha pesquisado.

Consertando a campervan

Lá pelas 9h30 chegou o guincho para levar o carro até a oficina. Chegando lá o mecânico falou que era a homocinética que tinha desencaixado, mas que nesse processo de desencaixe tudo ficou detonado. Segundo ele isso não acontece com homocinética a não ser que seja montado de forma errada.

Imagina a nossa cara ao saber do risco que corremos até aqui. E lá se foram R$ 315,00 para arrumar um serviço mal feito antes.

À tarde o carro estava pronto, mas não iríamos pegar a estrada à noite.

Almoço no Madre Mia

Achamos um restaurante muito legal e com comida saudável, perto do hotel, chamado Madre Mia. Tem um ambiente descontraído, uns sofás para aguardar a vez quando está cheio.

Se tiver fila, eles pegam seu número de telefone e mandam um link para você acompanhar o seu lugar na fila. Quando chega a sua vez, chega uma mensagem para se direcionar a recepcionista.

No almoço o buffet por kg custa R$ 49,90 e tem opções de comida brasileira e mexicana. Estava muito bom!

Stress com a seguradora de novo

E a seguradora nos dizendo que como o carro ficou pronto, não pagariam mais uma diária. Acontece que já havia passado o horário do check-out quando o carro ficou pronto, que eles teriam que pagar mais uma de qualquer forma, pois não tinha sentido algum fazer check-out sem saber se o carro ficaria pronto.

Insistimos em continuar no hotel, pois não iríamos pegar a entrada a noite. Eles insistiam em pedir um documento do mecânico informando a hora que o carro ficou pronto. Não iriamos voltar lá no mecânico para pedir esse documento e pedimos para a seguradora falar com nosso corretor para resolver a questão.

Logo em seguida eles ligam dizendo que não precisa do documento, que só precisam que a gente diga que vamos precisar ficar mais uma noite no hotel. É brincadeira, né.

Chegamos no hotel e estava tudo confirmado para mais uma noite. Tá parecendo que não podemos ser educados com as pessoas que trabalham em atendimento, pois eles acham que você é trouxa ou algo assim.

A hora que você fala grossa, beirando a estupidez, as coisas funcionam. Como se você tivesse que ganhar no grito e ameaça. Que ridículo isso.

Pizza no jantar

Saímos para jantar e fomos até o mercado municipal. O lugar é muito bonito, mas quando chegamos as lojas já estavam fechadas e só os botecos/bares estavam abertos.

Um ótimo lugar para um happy hour, mas não estávamos a fim de beber, até porque não gostamos muito de cerveja e amanhã de manhã cedinho vamos pegar a estrada, então decidimos ir até uma pizzaria perto do hotel, Mamma Pizza.

Mamma Pizza Pelotas

Que pizza gostosa! Pedimos uma pequena, que deve medir uns 20x15cm. O lugar é bonito e agradável. Tem opções de sopas, massas e calzones também, mas queríamos comemorar que o carro ficou pronto e estávamos de partida para finalmente começar a fase do “Partiu, Valendo!” da viagem. Nada melhor do que pizza!

Hora de arrumar as malas

De volta ao hotel, arrumamos as malas, separamos os documentos para cruzar a fronteira amanhã e reservamos um Airbnb que é uma graça. Bem diferente dos lugares que já nos hospedamos. E pertinho da praia.

Acompanhem amanhã nossa rota até Punta Del Diablo, Uruguai, e confiram nossa hospedagem no próximo post.

Bjs

Quer saber mais sobre essa viagem? Confira esse post aqui melevadeleve.com/viagem-de-carro-pela-america-do-sul

Números do dia:

Distância percorrida: 0 km
Tempo: 0 horas.
Combustível: R$ 0.
Alimentação: O almoço restaurante Madre Mia R$ 27,03. Jantar pizzaria Mamma Express R$ 32,45. Para nós dois.

Contribua para essa viagem

Está gostando da nossa viagem de carro pela América do Sul? Então use nossos links para reservar as suas viagens. O valor não muda para você e a comissão que ganhamos é bem pequena, o preço de um cafezinho que você toma enquanto está lendo e se divertindo com o diário da viagem e as nossas dicas.

Hospedagem: Booking.com ou Airbnb (Airbnb com desconto de R$ 130,00 na primeira hospedagem e R$ 49,00 em uma experiência)
Seguro Viagem: Seguros Promo (com 5% de desconto)
Passagens Aéreas: Passagens Promo
Aluguel de carro: Rentcars
Transfers: Viator
Passeios: ViatorTiqetsTourOn e Get Your Guide
Chip de celular para internet móvel e telefone: My Sim Travel
Transferência online de dinheiro para o exterior: Transfer Wise

Agradecimentos aos nossos apoiadores dessa viagem:

Julia Flores

Formada em Turismo e Hotelaria, com pós-graduação em Marketing Estratégico e experiência com marketing de destinos turísticos. Amo viajar, não pelos carimbos no passaporte ou pelas selfies, mas pelo o que as viagens me proporcionam. Gosto de praticar esportes, mas também adoro ficar de preguiça no sofá em dias frios ou chuvosos.

Deixe seu comentário