Artigo Científico – Mochileiros: um segmento a ser explorado no Brasil

Apresentamos no dia 9 de Julho, no VI Seminário de Pesquisa em Turismo do MERCOSUL – SeminTUR, da Universidade de Caxias do Sul – UCS, um artigo intitulado:  Mochileiros: um segmento a ser explorado no Brasil.

O artigo é o resultado do nosso esforço em compreender melhor esse nicho de mercado para dar suporte às decisões do players do Turismo, para que decisões não sejam tomadas sem embasamento científico.

Como explorar o segmento Mochileiro no Brasil

Segue o resumo abaixo:

Mochileiros: um segmento a ser explorado no Brasil

No Brasil, o planejamento do turismo não contempla o mercado mochileiro como acontece com outros segmentos, talvez pela falta de informação devido à escassez bibliográfica e aos preconceitos em relação a eles. Por isso, o problema de pesquisa foi: Qual a contribuição do mochileiro tradicional para o turismo sustentável? O objetivo geral foi investigar este público em relação à sustentabilidade do turismo. Utilizou-se a abordagem teórica, de dados secundários, e o conhecimento empírico, com base na experiência dos autores como mochileiros. Constatou-se que esse tipo de viajante tende a interagir positivamente com a população, contribui para a manutenção do patrimônio cultural, distribui melhor os benefícios econômicos, minimiza os efeitos da sazonalidade, requer menos investimentos em infraestrutura e serviços e incentiva o empreendedorismo.

Palavras-chave: Segmento mochileiro, turismo sustentável, mercado potencial

Quem tiver interesse, pode ler o artigo na íntegra clicando aqui.

Veja mais sobre o assunto navegando pela categoria

Douglas Sawaki

Douglas Sawaki

Formado em Turismo e Hotelaria, com experiência em vendas e marketing na área do Turismo. Paulista que aprendeu a curtir São Paulo depois que deixou de ser um cara estressado. Meio sedentário, meio esportista, se é que você me entende.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *