O post mais completo sobre seguro viagem

Perfil do mochileiro brasileiro – resultados preliminares

Meses atrás nós iniciamos uma pesquisa de perfil do mochileiro brasileiro, da qual 550 pessoas participaram. A pesquisa teve apoio do site Mochileiros.com.

A pesquisa foi bastante extensa e nem todos os dados foram tabulados ainda, por isso, hoje começaremos a publicar somente os resultados preliminares da pesquisa.

Localização

Quem é mochileiro

Quanto à localização, a maioria dos mochileiros brasileiros (60,67%) mora na região Sudeste, com destaque para o estado de São Paulo (38,58%).

Em segundo lugar está Minas Gerais (10,68%) e em terceiro o Rio de Janeiro (9,78%).

Outros estados que se destacam são Paraná (6,34%), Rio Grande do Sul (5,31%), Bahia (4,89%) e Distrito Federal (3,8%).

Os demais estados contam com 2% ou menos do total dos mochileiros brasileiros.

Veja aqui onde ficar em todo o mundo ou reserve pelo Airbnb e ganhe crédito de R$100,00.

Gênero

O gênero é divido em 61% masculino e 39% feminino, isto é, os homens representam quase 2/3 do mercado backpacker. 

Faixa etária

Qual idade dos mochileiros

Quase metade (45,3%) dos mochileiros brasileiros tem idade entre 19 e 25 anos.

A segunda maior parcela (28,1%) está na faixa etária entre 26 e 30 anos.

Isto significa que 73,4% dos mochileiros estão entre 19 e 30 anos, o que caracteriza o grupo como sendo principalmente de jovens.

Vale ainda destacar que a parcela com idade entre 31 e 40 anos corresponde a 18,3% dos entrevistados e a parcela acima de 41 anos, corresponde a 4,1%.

Ou seja, há um grande público com experiência de vida maior e com hábitos de consumo e de viagem (provavelmente) diferentes.

Compare aqui as locadoras para encontrar o melhor aluguel de carro para viajar por aí.

Idioma estrangeiro

O idioma inglês é amplamente falado por eles, 42% dos entrevistados possuem nível avançado.

Em relação ao idioma espanhol, 18% diz ter nível avançado. E 7% possui nível avançado em outro idioma.

Esses dados mostram que este segmento de turistas possui grande preocupação com um segundo idioma, o que reflete também o interesse no desenvolvimento profissional.

Idade do primeiro mochilão

Qual idade ideal para fazer o primeiro mochião

Este público começa a viajar muito cedo.

5,25% fez o primeiro mochilão quando tinha menos de 15 anos.

22,46% o fez com idade entre 15 e 18 anos.

Em outras palavras, mais de 1/4 dos mochileiros realizou a primeira viagem antes de atingir a maioridade.

A maioria dos entrevistados (52,53%) realizou o primeiro mochilão com idade entre 19 e 25 anos. Isso pode confirmar a característica de viajar dessa forma no período de transição da adolescência para a vida adulta, na passagem do ensino médio para a universidade, talvez para se auto-conhecer e poder escolher melhor a profissão a seguir.

Ou após o curso superior, para aproveitar a chance de fazer uma grande viagem antes de começar a busca pela estabilidade profissional.

Escolaridade

Qual a escolaridade dos mochileiros

Os mochileiros brasileiros demonstraram possuir alto nível educacional. 60% possuem graduação universitária e 21% possuem especialização. Há ainda uma parcela de 5% que realizou mestrado e doutorado.

Renda

A maior parcela dos mochileiros (38%) possui renda individual entre 3 e 5 salários mínimos. Isto é, entre R$1.866,00 e R$3.110,00, o que pode propiciar algumas viagens durante o ano.

O destaque é para os 20% tem renda entre 6 e 10 salários mínimos (de R$3.732,00 a R$6.220,00) e 11% acima de 10 salários mínimos (acima de R$6.220,00). Isso demonstra o grande poder de consumo de viagens de 31% dos mochileiros brasileiros.

Para concluir a análise deste primeiro conjunto de dados, vale destacar que as características de serem jovens, com domínio de idioma estrangeiro, com experiência de viagem desde pouca idade, com alto nível educacional e renda consideravelmente elevada, podem apontar que este segmento de turistas é um mercado com grande potencial de desenvolvimento.

Mais adiante, analisaremos outros dados da pesquisa para poder ter um retrato mais detalhado deste público. Fique conosco e saiba mais acessando aqui.

Compartilhe
O post mais completo sobre seguro viagem
Douglas e Julia

Douglas e Julia

Bio de casal? Como assim? É que alguns textos foram escritos juntos, então aqui estamos nós. Julia é gaúcha que solta uns 'ô meu' e Douglas é paulista que manda uns 'bah tchê'. São formados em Turismo e Hotelaria com especialização em Marketing, amam viajar e criaram esse blog em 2005. Já viu, né, viagem é o assunto principal deles.

19 comentários em “Perfil do mochileiro brasileiro – resultados preliminares

  • Avatar
    03/09/2012 em 12:11
    Permalink

    Muito bons os dados, parabéns pela pesquisa!!! Queria ter respondido também, me vi em muitas respostas =)

    Resposta
    • Avatar
      03/09/2012 em 12:21
      Permalink

      Rafael, Valeu!! Tem mais dados a serem publicados, fique de olho aqui no blog e na nossa fanpage. Teremos mais pesquisas como esta que ainda serão aplicadas e você poderá contribuir =)

      Resposta
  • Avatar
    03/09/2012 em 20:50
    Permalink

    Legal! Eu fiz uma breve pesquisa de perfil lá no blog intrip tbem..claro, acredito com uma amostragem e complexidade bem menores!
    Mas gostaria de saber na pesquisa do perfil de mochileiros se teve questões ligadas as maneiras e motivações referente ao processo de planejamento das viagens….vai orlar esses números ainda? Se tiver..avisa ai quando sair, pls!

    Resposta
    • Avatar
      03/09/2012 em 22:09
      Permalink

      Fábio, vamos ler sua pesquisa.
      Sim, a pesquisa é extensa, por isso vai demorar um pouco para finalizar os dados.
      Vai acompanhando aqui e na fanpage. Abraço!

      Resposta
  • Avatar
    03/09/2012 em 23:32
    Permalink

    Meio fraca essa daí… o que é uma viagem mochilão? Sair de casa pra viajar de mochila? Ir passar o fim de semana na Ilha grande? Não dá pra ter idéia dos critérios da pesquisa…

    Resposta
    • Avatar
      03/09/2012 em 23:59
      Permalink

      Rodrigo, são apenas os resultados das primeiras perguntas que colocamos aqui. Ainda há muitas outras perguntas.

      Não fomos nós que dissemos o que é mochilão, nem escolhemos os mochileiros que iriam responder. Respondeu quem frequenta o site mochileiros.com e o nosso blog.

      E os resultados é que vão dizer o que é uma "viagem de mochilão", na opinião dos entrevistados.

      O próximo passo depois de feita toda essa análise será comparar esse perfil do mochileiro brasileiro com o que dizem os estudos internacionais sobre o perfil dos mochileiros estrangeiros.

      Ai sim, vamos saber se a idéia de "ser mochileiro" é a mesma no Brasil e no exterior.

      Resposta
      • Avatar
        15/02/2013 em 10:50
        Permalink

        Que legal, é a primeira vez que vejo um estudo assim dos brasileiros. Parabéns pela iniciativa!

        Resposta
        • Douglas e Júlia Sawaki
          15/02/2013 em 14:13
          Permalink

          Olá, Herbert! Agradecemos seu comentário. Ainda temos muito estudo para realizar.Abraço!

          Resposta
  • Avatar
    08/11/2012 em 13:14
    Permalink

    Puxa, a pesquisa foi feita há bastante tempo, quase um ano atrás se não me falha a memória! Tirando a estratégia blogueira de lado, creio que já haveria tempo para se apresentar dados mais completos. Agora faltou nesse início vocês apresentarem detalhes metodológicos. Isto é importante, recomendaria que fizessem isto, pois garantiria maior credibilidade! Abs

    Resposta
    • Avatar
      09/11/2012 em 18:02
      Permalink

      Olá Francisco, obrigado pelo comentário!

      Realmente já faz quase um ano que a pesquisa começou a ser aplicada, mas não tivemos tempo ainda de tabular e analisar tudo. Não é estratégia do blog, é falta de tempo mesmo…

      Quais detalhes metodológicos você se refere? Universo pesquisado, margem de erro, coeficiente de confiança, etc? Essas informações incluiremos no artigo científico (junto com os outros resultados), e acho que aqui para o blog é meio desnecessário…

      Grande abraço!

      Resposta
    • Avatar
      09/11/2012 em 18:18
      Permalink

      "Meio desnecessário"????? Que loucura de expressão rsrs. Eu leio o Blog e acho essas informações relevantes! De qualquer forma obrigado pela resposta!

      Resposta
    • Avatar
      09/11/2012 em 18:35
      Permalink

      Francisco, talvez seja necessário mesmo, desculpe… Vamos lá.

      O universo de mochileiros foi considerado como maior do que 100 mil pessoas, o coeficiente de confiança foi de 95,5% e a amostra foi de 550 mochileiros.

      Para atingirmos margem de erro de 4% era preciso 625 respondentes, mas conseguimos menos (550). Decidimos parar de aceitar respostas depois de 2 meses e pouco, para começar a analisar os dados. Para a margem de erro de 5% era necessário 400 respondentes, então a margem de erro ficou entre 4% e 5%.

      A pesquisa foi realizada on-line, colocamos o link do questionário no antigo blog, nas comunidades de mochileiros nas redes sociais e no site http://www.mochileiros.com, por isso, assume-se que os entrevistados são mochileiros (pelos menos eles assim se vêem). Assim diminuimos o risco do questionário ser respondido por pessoas que só viajam com pacotes de agências, que não eram o alvo da pesquisa.

      Desculpe o mal jeito do 'meio desnecessário' e obrigado por ler nosso blog.

      Abraço!

      Resposta
  • Avatar
    25/06/2014 em 02:24
    Permalink

    Olá pessoal! Eu vi o questionário lá no fórum há algum tempo, mas não recordo muito bem se respondi… De qualquer forma, já dei uma analisada rápida nos infosgráficos e nos comentários deles, ainda n conclui a leitura, mas gostaria muito de ler o artigo científico qnd o mesmo estiver publicado! Please, avisem-me se já foi publicado….

    Estou iniciando mestrado em Desenvolvimento Regional, e me enveredei pela área temática do turismo, pois já se trata de uma paixão pessoal, então resolvi estudá-lo, pois acredito que um dos caminhos do turismo pode ensejar o desenvolvimento das comunidades locais, especial caso do turismo sustentável em áreas naturais como Unidades de Conservação e demais espaços ecológicos… Então concordo com o Francisco referente aos procedimentos metodológicos da pesquisa, ajuda a comunidade mochileira que tá nesta luta dos estudos…srs e como já é reconhecido, estes estudos ainda são escassos de publicações científicas voltadas a realidade brasileira e quanto mais material metodológico tivermos produzindo, melhor para podemos embasar novos estudos!

    Parabenizo o trabalho de vcs e estarei acompanhando aqui e quem sabe tbm procurando ou “perturbando” vcs para parceiras de trabalho e estudos?

    Abraços!

    Resposta
    • Douglas e Júlia Sawaki
      27/06/2014 em 15:21
      Permalink

      Thalita, Obrigado pelo comentário!!!

      Infelizmente não foi publicado artigo ainda.

      Que legal a sua área do mestrado!! Concordamos que há um longo caminho para um desenvolvimento mais ordenado e benéfico do turismo nas comunidades locais e naturais. Ainda bem que sempre há estudiosos como você para dar suporte a isso. Nós estamos trabalhando em outra área do turismo.

      Respondemos o Francisco sobre a metodologia no comentário dele. Como não escrevemos o artigo, o que temos a respeito disso está no comentário.

      Abraços

      Resposta
      • Avatar
        01/07/2014 em 12:28
        Permalink

        Obrigada pela resposta Douglas! Embora estejamos em áreas ‘distintas’ sobre o turismo, a priori, vejo uma inter-relação do turismo backpacker embasado em tbm ser práticado com base nos preceitos da sustentabilidade (econômico, ecológico e social). Então, quando oportuno for no escopo dos meus estudos verificarei se os dados da pesquisa de vocês poderão me subsidiar de alguma forma para os estudos da “mochileiro verde” no esteio das mudanças que estão tentando efetuar nas formas atuais de consumo, com vistas ao consumo “verde” (consciente). Fique certo que citarei devidamente as fontes. Daí, caso os estudos se comprovem e vire artigo (mesmo se n for aceito p publicação) eu envio p vocês!
        Obrigada!
        Até mais!

        Resposta
  • Avatar
    10/07/2014 em 00:46
    Permalink

    Meus planos de fazer um mochilão pelo Brasil são de longo prazo e conto com Turismo Backpacker para ajudar-me a concretizá-los.

    Resposta

Deixe seu comentário