Canela, dia 05 (12 de novembro de 2017)

Acordamos cedinho, tomamos nosso último café da manhã (desse ano) na Serra Gaúcha, arrumamos as malas e fizemos o check out.

Lá pelas 9 horas saímos da pousada para conhecer mais alguns lugares em Canela, e o nosso roteiro começou em uma cachaçaria.

Alambique Flor do Vale

Era a primeira vez que estávamos visitando um lugar que fabrica cachaça e nos surpreendeu pela beleza, limpeza do ambiente de trabalho e pela estrutura que conhecemos.

O que ver e fazer em Canela? Visitar um alambique com jardim verde

Primeiro vistamos todo o processo de fabricação da cachaça, desde o moer da cana de açúcar até o envasamento da bebida.

O lugar é bem interessante para quem é curioso pela cachaça (note que não dissemos cachaceiros hehehe) e além do alambique no local há um jardim lindo, um mirante para uma cachoeira com queda de 30 metros e uma trilha de 40 minutos. Com certeza um lugar que merece uma visita.

O que ver e fazer na Serra Gaúcha?Visitar a cachoeira do Alambique Flor do Vale

Também tem um museu de cachaças que não existem mais, chamado de “Finadas Cachaças”. Estão organizadas por temas e de uma forma bem humorada.

O que ver e Fazer em Gramado e Canela? Visitar o Alambique Flor do Vale

No final da visita fomos conhecer o Empório, onde eles vendem os produtos que são produzidos ali. Um encanto de lugar.

O Alambique Flor do Vale fica afastado do centro de Canela, mas se você ligar eles vão buscar com o Trago Bus :p Apenas para quem está hospedado em Canela. Saiba mais em www.alambiqueflordovale.com.br.

Pertinho daqui tem uma vitivinícola, quase vizinha, então fomos lá conhecer também.

Vitivinícola Jolimont

Na Vitivinícola Jolimont também fizemos um tour, mas enquanto esperávamos para começar, aproveitamos a paisagem.

Dá uma olhada como é lindo esse lugar.

O que ver e fazer em Canela? Visitar a vinícola Jolimont

Logo começamos o tour e aprendemos um pouquinho mais sobre o processo de fabricação do vinho e seu armazenamento. O tour é guiado, leva em torno de 1 hora e é gratuito.

O que ver e fazer em Gramado e Canela? Visitar a Vinícola Jolimont

E para fechar o passeio, não poderíamos deixar de provar, né.

A degustação custa R$ 20,00 e você prova todos os vinhos que conseguir 😀

 O que ver e fazer na Serra Gaúcha? Degustação dos Vinhos e Espumante Jolimont

E são muito bons, não é a toa que foi premiada na França.

Vale a pena reservar um espacinho na bagagem para levar uns vinhos e espumantes da Vitivinícola Jolimont pra casa.

E se quiser, você pode encomendar um barril exclusivo para o seu gosto. Chique, né. Falei que tô adorando esse negócio de exclusivo e personalizado? Gente é tudi baõ.

O que ver e fazer em Canela? Visitar a Vinícola Jolimont

Ah, a pisa da uva acontece em fevereiro, na época do carnaval. Você paga R$ 30,00 pela taça, que você leva para casa, e pode degustar todos os vinhos que quiser. Mas corre pra fazer sua reserva e aproveitar essa experiência.

Saiba mais em www.vinhosjolimont.com.br.

Depois de um pouquinho de luxo, lá fomos nós nos divertir em um dos parques mais procurados em Canela.

Alpen Park

Chegando no Alpen Park percebemos que ele não é tão grande quanto imaginávamos, mas isso não diminuiu a diversão.

O Alpen Park é muito bom pra quem vai com criança, pois tem boas opções de brinquedos para eles e o melhor de tudo é que é difícil se perder por aqui.

A principal atração, que obviamente tinha a maior fila, é o trenó de montanha. É claro que fomos lá experimentar hehehe

O que ver e fazer em Gramado e Canela? Se divertir no Alpen Park

Valeu a pena esperar na fila. O trenó é super divertido, para quem gosta de velocidade e emoção, mas poderia ser um trajeto maior 😛 . Tem “só” 900m de trilhos.

Não fomos nos outros brinquedos, pois não tínhamos muito tempo, mas o Alpen Park é uma atração para passar meio período do dia, para se divertir em todos os brinquedos. Saiba mais em www.alpenpark.com.br.

Museu dos Beatles

E nossa última parada em Canela foi no primeiro museu dos Beatles do Brasil, onde fomos recebidos pelo dono, colecionador e fã dos Beatles, André.

Ele recebe os visitantes e os apresenta ao John Lennon, que faz uma breve apresentação sobre o museu.

O que ver e fazer em Canela? Visitar o museu dos Beatles

O André , vendo nosso entusiasmo por saber mais sobre sua história, nos acompanhou e nos guiou pelo museu contando um pouco mais sobre as fases dos Beatles e como ele adquiriu algumas peças que ali estão expostas.

Museu dos Beatles em Canela no Rio Grande do Sul

O museu é interessante para quem é fã da banda The Beatles ou se interessa por história da música, já que eles mudaram o cenário mundial da música e influenciam bandas até hoje.

Foi bem bacana conhecer e saber que finalmente temos um museu da banda no Brasil.

Miniaturas de legos dos Beatles em Canela

[Mais sobre os Beatles] Outro museu dedicado aos Beatles que já visitamos fica em Buenos Aires, Argentina, confira aqui como foi. Ah! E também visitamos a famosa faixa de pedestre Abbey Road, confira aqui.

Almoço na Cantina Tagliarini

Antes de retornar para Porto Alegre almoçamos em Gramado. Andamos pelo centrinho quando um senhor nos parou no caminho para falar da Cantina Tagliarini. Ele mostrou o cardápio, disse que tinha que esperar um pouquinho que o restaurante estava cheio, mas que a gente não iria se arrepender.

Colocamos o nome na lista enquanto olhávamos o menu. A promoção do dia era a estação das massas, preparadas na hora, e buffet de saladas e sobremesas e sequência de grelhados por R$ 54,90.

Foi tanta comilança nos últimos dias que decidimos evitar a fartura hahah.

Gente, come-se muito bem no Rio Grande do Sul, pois os pratos são mais do que bem servidos e a comida é muito gostosa. Então optamos pelo risoto a la carte, sem entrada mesmo.

Na foto do prato o risoto parece pequeno, mas reparem que a panela está ali do lado 😛

Onde comer em Gramado? Risoto da Cantina Tagliarini

Ah! Pedimos de sobremesa bananas flambadas com sorvete de creme que estava deliciosíssimo.

Onde comer em Gramado e Canela? Sobremesa de Banana Flambada com sorvete

Também é um restaurante que vale a pena conhecer. Fomos bem atendidos, a comida estava muito boa e o preço fica entre R$ 44,00 e R$92,00 para duas pessoas.

Retorno para Porto Alegre

E antes de partir, uma última olhada na decoração de Natal de Gramado. Pegamos nossas malas na Pousada Bernardete e fomos para a rodoviária.

Chegando lá, fiquei com as malas enquanto o Douglas foi trocar nosso comprovante de compra online pelas passagens.

Quando ele voltou fui dar uma conferida nos produtos coloniais da Casa do Colono, que fica na praça ao lado da rodoviária (já falamos sobre esse lugar aqui).

E acabei comprando umas bolachas de manteiga, que estavam como sempre uma delícia. Adoro com chá ou café. E também comprei salame colonial.

Logo nosso ônibus chegou, embarcamos e aproveitamos o balanço da estrada para dormir um pouquinho, até chegar na rodoviária de Porto Alegre.

Hotel Quality Porto Alegre

Chegamos no hotel Quality Porto Alegre, que fica bem localizado no bairro Moinhos de Vento, ao lado do Parque Moinhos de Vento (conhecido como Parcão).

É um hotel mais para quem viaja a trabalho do que a lazer. O quarto é espaçoso, com mesa para trabalho e todas as facilidades.

Logo saímos para jantar, porque já viu, né. Se parar pra descansar, já era, o cansaço bate, aí você toma um banho e acaba dormindo até o outro dia.

Jantar na Usina das Massas

Costumamos pegar aqueles papeizinhos de propaganda da cidade que ficam geralmente na recepção do hotel e entre eles tinha um da Usina das Massas.

Resolvemos ir lá provar, pois parecia muito convidativo pelas fotos, e estava pertinho do hotel.

Chegando lá nos deparamos com um ambiente muito bonito, gostamos do atendimento na recepção e o cardápio tinha uma boa variedade de massas e molhos. Tinha até massa integral, que é difícil de encontrar em restaurantes.

Onde comer em Porto Alegre? Usina das Massas

Sinceramente não gosto quando tem muita opção, pois é muito difícil de escolher, ainda mais quando todas parecem muito boas.

E quando é assim, sempre chamamos o garçom para nos ajudar e perguntamos qual o prato mais pedido da casa 😉

E optamos então pelo Fettuccine com filé e nata (nata, que é o correto 😛 é como nós gaúchos chamamos o creme de leite fresco).

Onde jantar em Porto Alegre? Usina das Massas

Sabe aquele prato que você não consegue parar de comer porque tá muito bom?! Então, era esse. Estava uma delícia, massa bem cozida, carne macia e o molho que dava o sabor especial ao prato.

Ainda no restaurante o cansaço bateu e resolvemos voltar logo ao hotel. Hoje foi mais um dia de comilança 😀

Fique de olho que tem mais diário de viagem pela frente…

Posts relacionados

Julia Flores

Formada em Turismo e Hotelaria, com pós-graduação em Marketing Estratégico e experiência com marketing de destinos turísticos. Amo viajar, não pelos carimbos no passaporte ou pelas selfies, mas pelo o que as viagens me proporcionam. Gosto de praticar esportes, mas também adoro ficar de preguiça no sofá em dias frios ou chuvosos.

Deixe seu comentário