Uma das perguntas mais frequentes para quem vai ao Chile é: o que fazer perto de Santiago?

Existem atrações das mais variadas, e nesse post vamos falar sobre passeio em vinícolas.

Olha, mesmo quem não é amante dos vinhos deve considerar incluir vinícolas no roteiro de viagem em Santiago, pois só a paisagem já vale o passeio. E quem gosta de roteiros de enoturismo já sabe que o Chile é reconhecido mundialmente pelos vinhos brancos de alta qualidade e que as vinícolas estão entre os principais pontos turísticos do país.

Mas qual vinícola visitar? Para quem tem um dia livre na cidade, a Rota do Vinho do Valle de Casablanca é uma ótima opção de passeio, pois passa por algumas das melhores vinícolas do Chile.

Vale dizer que a vinícola mais visitada pelos brasileiros, a Concha y Toro, não está nessa rota. Também não estão na rota outras vinícolas muito visitadas, a Undurraga e a Santa Rita. É bom saber que outras regiões do Chile com vinícolas são o Valle del Colchagua e Valle del Maipo.

Nós visitamos as vinícolas do Valle de Casablanca, que estão a mais ou menos 75km de distância de Santiago na Ruta 68 que liga a capital chilena à Valparaíso. Por isso é bem fácil visitá-las tanto por quem está hospedado em Santiago quanto por quem está em Valparaíso.

Veja aqui onde ficar em Santiago ou reserve pelo Airbnb e ganhe crédito de R$100,00.

Já que é fácil de chegar no Valle de Casablanca de ambas cidades, você pode ir de carro alugado, mas como a grande atração das vinícolas é a degustação de seus premiados vinhos (e você não vai dirigir depois de beber, né?), é melhor fazer como nós fizemos, ir em um tour com motorista e guia.

Além da segurança na estrada, oferece mais comodidades, pois você não precisa pagar separadamente por cada tour e degustação em cada vinícola.

E fica a dica, depois da segunda degustação, todos do grupo já parecem amigos de muitos anos rsrs.

Valle de Casablanca

A região do Valle de Casablanca é conhecida mundialmente entre os amantes do vinho por causa do seu terroir único, descoberto a cerca de 30 anos.

As uvas são cultivadas em um ambiente próximo ao mar, em um vale de montanhas altas, com clima ameno, considerável amplitude térmica e recorrentes neblinas durante a manhã, o que permite a maturação lenta da uva.

Essa umidade, junto com as características do solo, rico em sais minerais, torna a região muito propícia ao cultivo de uvas brancas de alta qualidade.

Compare aqui as locadoras para encontrar o melhor aluguel de carro para viajar por aí.

Aqui encontra-se principalmente as variedades Chardonnay e Sauvignon Blanc, e em menor quantidade as uvas tintas Merlot e Pinot Noir.

As vinícolas da região investiram também em turismo. Além dos tours pelos vinhedos e degustações de vinhos e queijos, algumas vinícolas também contam com restaurantes refinados e charmosos e hotéis ou pousadas.

A Rota do Vinho do Valle de Casablanca

Nós fizemos o passeio da Rota do Vinho do Valle de Casablanca com a agência Viaja Brasil Tours, especializada em passeios para brasileiros, com guias conterrâneos. Depois de uns 50 minutos nós chegamos na primeira vinícola, a Vinícola Emiliana.

 Não se esqueça de contratar seguro viagem para o Chile. Compare aqui seguro viagem internacional com 5% de desconto.

Vinícola Emiliana

Logo que saímos da rodovia e entramos na estradinha de acesso à vinícola, já percebemos a principal característica da vinícola. É que ela só produz uvas orgânicas e biodinâmicas, por isso nesse trecho já sentimos o aroma no ar.

Durante o tour nós aprendemos o que significa produzir vinho orgânico e biodinâmico. Significa ajudar a manter o equilíbrio natural do meio ambiente, o que leva a produzir uvas mais saudáveis e de melhor qualidade, sem prejudicar o solo e as pessoas que manejam a produção.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - Emiliana

Pesticidas, agrotóxicos e fungicidas são substituídos por técnicas naturais ou por produtos livres de elementos sintéticos.

Entre os vinhedos, são plantadas flores e outras plantas para proteger o solo da erosão, e galinhas são utilizadas para controlar a proliferação dos insetos.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - Emiliana

Esse cuidado fez a Vinícola Emiliana ser reconhecida em 2015 como a produtora do melhor vinho do ano pela revista Vinos de Chile. O vinho de destaque é o tinto Coyam, feito com uvas biodinâmicas.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - Emiliana

Degustamos o vinho Signos de Origen Ensamblaje Blanco, feito com Chardonnay, Viognier, Marsanne e Roussanne. É um vinho branco com sabor muito suave, uma delícia.

O local é muito agradável, com mesas em uma área arborizada, para degustar sem pressa, apreciando o momento.

Vinícola House Casa del Vino

A próxima vinícola do tour foi a vinícola House Casa del Vino, que também é super agradável, porém com um toque mais contemporâneo.

Caso você esteja procurando por vinícolas com restaurante perto de Santiago, essa seria uma ótima opção, pois tem mesas na parte interna ao lado da loja e na varanda com vista para o vinhedo.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - House Casa del Vino

Nós chegamos antes do horário do almoço, por isso não provamos a culinária, mas durante a degustação de vinho, provamos uma tábua de queijos, nozes, amêndoas e morangos, que estavam deliciosos.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - House Casa del Vino

Provamos o vinho Vistamar Sepia Reserva, feita com uva Pinot Noir. É um vinho tinto suave e um pouco encorpado.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - House Casa del Vino

Aqui tivemos um tempo para ficar papeando e caminhando pelo vinhedo e pelo jardim, mas não fizemos o tour guiado pela propriedade.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - House Casa del Vino

Só para você saber, os tours incluem a visita aos vinhedos e à adega, onde é explicado todo o processo de cultivo, produção e armazenamento. O tour termina com degustação de 2 ou 3 vinhos, dependendo de qual tour você escolher.

Mercado do Vinho Rio Tinto Casablanca

Passamos pelo Mercado do Vinho Rio Tinto Casablanca, pois algumas pessoas do tour queriam comprar vinhos para trazer ao Brasil.

Além dos vinhos produzidos aqui no Valle de Casablanca, a loja vende vinhos de outras regiões do Chile, além de piscos e outras bebidas. São muitos rótulos, de variados preços, talvez até tenha todos os vinhos produzidos no Chile.

Rota dos vinhos Valle de Casablanca - vinícolas perto de Santiago - Mercado do Vino Rio Tinto

E o preço compensa bastante. Então a dica para comprar vinho no Chile é essa: deixe para comprar aqui no Mercado do Vinho. Se você não vier até aqui, o melhor lugar para comprar vinho em Santiago é o Supermercado Jumbo.

Aqui também tem um restaurante e é uma boa opção para economizar no almoço durante o passeio pelas vinícolas, pois é sistema de buffet livre e inclui carnes, saladas, acompanhamentos, sobremesas e bebidas (suco, cerveja, vinho e café). E custa $16.900 pesos chilenos por pessoa.

Vinícola Indómita

A parada seguinte do tour do vinho foi a Vinícola Indómita, que fica no outro sentido da Ruta 68, do lado de quem vai de Valparaiso para Santiago.

Primeiro passamos pelo parreiral que fica na subida do estacionamento até o restaurante, com uma parada no mirante para apreciar a linda vista do Valle de Casablanca.

 Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Indómita

A arquitetura do local também chama muita a nossa atenção, por ser imponente e toda branca. No prédio principal fica a adega e também o restaurante. Lá da rodovia já é possível ver a construção.

 Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Indómita

A Indómita é uma das maiores vinícolas do Chile e exporta seus vinhos para mais de 50 países. Tem tour guiado pela propriedade, mas nós não fizemos.

Como chegamos na hora do almoço, aproveitamos para provar o restaurante da Indómita, que é um dos restaurantes mais refinados da rota do vinho do Valle Casablanca.

O restaurante tem como chef o chileno Tomás Olivera, reconhecido pelo Circulo Gastronómico de Chile como “Chef Revelação”.

Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Indómita

Seguindo a sugestão da garçonete, pedimos o risoto com caranguejo, um dos pratos mais pedidos do restaurante. O sabor estava impecável, com o arroz cozido no ponto exato e o caranguejo dando um toque mais forte ao prato. E olha a apresentação de dar água na boca. O vinho sugerido para harmonizar com o risoto foi o Gran Reserva Cabernet Sauvignon.

Esse almoço não está incluído no pacote do tour, então deve ser pago a parte. A conta de 2 risotos e 2 águas deu $52,83 dólares. Por ser um ótimo restaurante, em uma bela vinícola, o valor estava compatível com a experiência.

Veja aqui onde ficar em Santiago ou reserve pelo Airbnb e ganhe crédito de R$100,00.

Vinícola Viñamar

A última vinícola do tour foi a Vinícola Viñamar. Na nossa opinião é a melhor opção para fechar o tour pelas Vinícolas do Valle de Casablanca.

Já encanta logo de cara, no trajeto dos portões até a construção, uma linda mansão branca.

Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Viñamar

Focada no público de luxo, a vinícola é reconhecida internacionalmente pelos espumantes. Por isso, aqui o número de visitantes é menor e o atendimento é exclusivo.

Fomos recebidos por um sommelier da casa que nos contou um pouco da história da Vinícola Viñamar e a produção dos vinhos e espumantes. Estes últimos, vale a pena provar, pois muitos deles são premiados.

Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Viñamar

Uma dica para os casais é almoçar nessa vinícola, no Restaurante Macerado. Se a visita for em época mais quente, escolha as mesas da varanda no andar superior onde a vista é ainda mais linda para os jardins e parreirais. Aqui são realizados casamentos com frequência, pois o local é lindo demais.

Depois de um pequeno e rápido tour, fomos convidados a nos sentar na varanda lateral do primeiro andar, que tem vista para os jardins, e provar o espumante Brut Unique, premiado no último ano.

Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Viñamar

O dia estava quente e estávamos em um grupo super animado. Foi divertidíssimo. No nosso grupo éramos todos brasileiros, cada um de um canto do Brasil, com diferentes sotaques.

Valle de Casablanca - Roteiro do vinho - Vinícola Viñamar

 Não se esqueça de contratar seguro viagem para o Chile. Compare aqui seguro viagem internacional com 5% de desconto.

Vale a pena fazer o tour pelas vinícolas do Valle de Casablanca? Com certeza! Além de conhecer um pouco mais da cultura do Chile, da sua gastronomia local e suas lindas paisagens, provamos alguns dos melhores vinhos e espumantes produzidos na região.

Então não esqueça, um roteiro de viagem no Chile tem que ter visita a alguma vinícola, e a Rota do Vinho do Valle de Casablanca é uma boa pedida.

Esse passeio foi uma cortesia da Viaja Brasil Tour e as opiniões são nossas, baseadas em nossa experiência durante o passeio. Para saber mais sobre a Rota do Vinho Valle de Casablanca, acesse: viajabrasiltour.com.br

Mais sobre Santiago, Atacama e o projeto De Leve na Rota no blog Tá na Minha Rota. Siga também a tag #delevenarota no Instagram.

Se você quiser conhecer outros destinos perto de Santiago, vale a pena ler esse post sobre Viña del Mar, Valparaíso, Vinícola Concha y Toro e Cajon Del Maipo.

Para salvar no Pinterest 😉

Posts relacionados

Douglas e Julia

Bio de casal? Como assim? É que alguns textos foram escritos juntos, então aqui estamos nós. Julia é gaúcha que solta uns 'ô meu' e Douglas é paulista que manda uns 'bah tchê'. São formados em Turismo e Hotelaria com especialização em Marketing, amam viajar e criaram esse blog em 2005. Já viu, né, viagem é o assunto principal deles.

4 comentários em “Valle de Casablanca: vinícolas perto de Santiago, Chile

  1. Adorei o post! Definitivamente preciso voltar ao Chile para conhecer mais vinícolas!
    Obrigada pelas dicas e parabéns pelo blog

    1. Olá!! Obrigado pelo comentário! Acho que todos precisam voltar ao Chile né? Nós queremos muito 🙂

  2. Um post muito legal que fizeram e formam um casal lindo. Estou indo à Santiago com meu marido final desta semana e me ajudaram bastante com as dicas de Casablanca. Obrigada!

    1. Olá, Solange! Tudo bem? Muito obrigada 🙂 <3
      Ficamos felizes em saber que ajudamos.
      Conta pra gente como foi visitar em setembro.
      Bjs

Deixe seu comentário