O cruzamento entre a Spadina Avenue e a Dundas Street West poderia facilmente ser uma esquina qualquer de Pequim. Mas não é, ela é a Chinatown de Toronto.

Se você está planejando uma viagem a Toronto e nunca visitou uma Chinatown (o bairro da Liberdade não conta, viu, ela é bem diferente), vale a pena pensar em inclui-la no seu roteiro pela cidade.

Mas antes de seguir lendo, se inspire com nosso vídeo de Toronto e aproveita para seguir o canal 🙂

O bairro surgiu a partir de 1960, quando a primeira Chinatown foi desfeita para dar lugar ao Toronto Civic Hall e o Nathan Phillips Square. Os comerciantes de lá se mudaram para cá.

Existem outros 5 bairros chineses mais na periferia, mas essa da Avenida Spadina com a Rua Dundas West é a maior deles.

Chinatown de Toronto: Spadina Avenue com Dundas Street West

Nos quarteirões perto desse cruzamento você encontrará vários comércios, com aquela típica imagem da China. Fachadas com cores bem fortes, principalmente vermelho e dourado e letreiros escritos em chinês.

Escolha e reserve sua hospedagem em Toronto: Hotel ou Airbnb | Compare preços e planos e contrate o seu seguro de viagem para o Canadá | Veja aqui as opções de city tour em Toronto | Compare as locadoras e alugue seu carro aqui.

O que comprar na Chinatown de Toronto?

São inúmeras lojas que vendem de tudo um pouco, mesmo. Além disso tem mercadinhos de comidas orientais e de frutas e vegetais exóticos.

É um bom lugar para fazer compras se você tiver uma lista grande de pessoas para trazer lembrancinhas de Toronto. Muitas lojas vendem souvenirs da cidade.

O que comprar na Chinatown de Toronto

Se você é fã de chás, vai encontrar muitos sabores bem diferentes. E tem também muitas coisas que o nosso conhecimento ocidental nem imagina o que podem ser.

Passagens aéreas saindo de

E o que comer na Chinatown de Toronto?

Nós não comemos lá, mas vimos que as opções são muitas. Desde os tradicionais noodles chineses, até pratos aparentemente bem diferentes.

Como não é um bairro 100% chinês, além de encontrar o Pato de Pequim que é o prato típico, você também vai encontrar, por exemplo, o tailandês Pad Thai e o japonês Sushi.

Não, não é ‘tudo chinês’, não se engane. Muitos vietnamitas e tailandeses moram e tem lojas nessa região, por isso essa variedade de restaurantes asiáticos.

Aqui você encontra uma lista cheia de restaurantes em Chinatown.

Como visitar a Chinatown?

Nós gostamos de andar a pé pelas cidades que visitamos, então incluímos a Chinatown mais como uma passagem rápida, no caminho da nossa hospedagem até a Universidade de Toronto, pela Spadina Avenue.

É um pouco longe, mas fomos passeando, então nem percebemos a distância.

Foi até bom. A pé tivemos a sorte de ver uma exibição do Dragão Chinês, pois eles estavam promovendo uma festa que aconteceria alguns dias depois na cidade.

Leia também os artigos Onde comer em TorontoComo ir de trem de Quebec a Toronto passando por Montreal, Como sair do aeroporto de Toronto e Onde se hospedar em Toronto.

Como visitar a Chinatown em Toronto

Passamos também outra vez de streetcar, o bonde/trem elétrico de Toronto. Os streetcar que passam em Chinatown são a linha 505 pela Dundas Street West e a linha 510 pela Spadina Avenue.

Pois então, se você tiver tempo, inclua em seu roteiro pela cidade, ou então pelo menos dê um jeitinho de passar por ela de streetcar.

Se preferir um tour com guia, tem um passeio combinado Chinatown e Kensington Market.

Douglas e Julia

Bio de casal? Como assim? É que alguns textos foram escritos juntos, então aqui estamos nós. Julia é gaúcha que solta uns 'ô meu' e Douglas é paulista que manda uns 'bah tchê'. São formados em Turismo e Hotelaria com especialização em Marketing, amam viajar e criaram esse blog em 2005. Já viu, né, viagem é o assunto principal deles.

PROGRAME A SUA VIAGEM AQUI

Escolha e reserve: Hotel | Airbnb

  Compare preços e planos e contrate o seu seguro de viagem com 5% de desconto

Compre antecipado e online entradas de atrativos e passeios: No Brasil | No exterior

Compare as empresas de aluguel de carros e viaje no seu tempo. Pagamento parcelado.

Os links acima são de nossos parceiros e nós recebemos uma pequena comissão por cada venda, o que nos ajuda a manter o blog. É como se você estivesse nos 'pagando um café' pelas dicas que damos.

2 comentários em “Chinatown de Toronto: Spadina com Dundas Street

  1. Quem viu uma Chinatown já viu todas do mundo? Queria saber se devo incluir nos meus passeios? Já conheci uma Chinatown em outro país e não sei se o de Toronto vai valer a pena.

    1. Nunes, se for só para ver, você não encontrará nada diferente. Mas se tiver tempo para comer por lá, seria muito interessante.

Deixe seu comentário